1 Comentário

Custos vs Benefícios: Vale a pena?

Nesta segunda-feira, dia 19, a câmara dos deputados colocou em votação um projeto de lei protocolado em 2005 de autoria do ex-vereador Paulo Oya (PSC) que tinha como proposta proibir a alimentação de pombos em áreas públicas.

8.6 – REJEITADO

1ª discussão e votação, adiadas, do projeto de lei 332/05, processo 151.405 de autoria do Senhor Paulo Oya, que proíbe a alimentação de pombos em áreas públicas do município de Campinas. Parecer da Comissão de Constituição, Legalidade e Redação, favorável.

A proposta tem o objetivo de inibir a proliferação de doenças que possam ser transmitidas pelo pombos. A fiscalização deverá ser feita pela Vigilância Sanitária e também pelo Departamento de Zoonoses. Ao infrator caberá multa que será determinada pelo setor de Zoonoses. Na justificativa o autor salienta que os pombos são transmissores de doenças como a toxoplasmose, meningite, histoplasmose, ornitose, etc.

Projeto na íntegra

É inacreditável, que temas de menor importância como esse entrem em discussão em uma cidade como Campinas. Custa muito caro bancar um vereador (R$ 7.941,68 de salário e R$ 45.236,60 verba de gabinete) para legislar sobre ações que, se aprovadas, jamais seriam fiscalizadas por completa falta de efetivo do Departamento de Zoonoses. Ademais, doenças causadas por pombos não são tão comuns quanto o projeto de lei sugere.

No final da sessão o projeto foi rejeitado, mas não sem antes ocupar a pauta do dia consumindo recursos valiosos como tempo e energia dos vereadores. Projetos como esse prestam um desserviço à população que vê a relação de custo-benefício levar ao seguinte questionamento: A atividade parlamentar é realmente necessária? Está na hora de exigir mais profissionalismo da classe política.

A seguir são apresentados o projeto de lei em questão e as despesas por vereador.

Gastos com funcionários por gabinete

Verba de gabinete de vereador referente ao ano de 2013 – R$45.236,60

GABINETE NÚMERO DE FUNCIONÁRIOS
GASTOS
André von Zuben 10 R$42.262,00
 Angelo Barreto 10 R$42.431,78
 Antonio Flôres 12 R$42.431,75
 Artur Orsi 09 R$29.150,67
 Aurélio Cláudio 15 R$42.431,79
 Campos Filho 09 R$42.431,81
 Carlão do PT 08 R$34.369,71
 Carlinhos Camelô 06 R$42.431,78
 Carmo Luiz 08 R$42.304,55
 Cid Ferreira 12 R$41.710,48
 Cidão Santos 14 R$41.710,44
 Edison Ribeiro 09 R$42.431,82
 Gilberto Vermelho 10 R$42.389,51
 Gustavo Petta 11 R$42.431,82
 Jeziel Silva 09 R$42.431,79
 Jorge da Farmácia 10 R$41.074,03
 Jorge Schneider 10 R$42.431,78
 Luiz Carlos Rossini 12 R$42.049,95
 Luiz Cirilo 11 R$42.134,85
 Luiz Lauro Filho 10 R$38.103,81
 Marcos Bernadelli 14 R$42.431,73
 Neusa do São João 12 R$41.752,85
 Pastor Elias Azevedo 10 R$42.219,76
 Paulo Bufalo 08 R$42.389,39
 Paulo Galtério 15 R$42.389,36
 Pedro Tourinho 10 R$42.431,77
 Professor Alberto 08 R$42.262,12
 Rafa Zimbaldi 10 R$42.262,03
 Roberto Alves 10 R$42.431,81
 Thiago Ferrari 13 R$42.431,79
 Tico Costa 11 R$42.431,79
 Vinicius Gratti 08 R$42.431,84
 Zé Carlos 08 R$42.431,83
Anúncios

One comment on “Custos vs Benefícios: Vale a pena?

  1. […] após o fim de seu mandato o ex-vereador Paulo Oya (PSC) continua trancando a pauta legislativa com proposições absurdas. O assunto agora é doação de […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: